You are currently browsing the category archive for the ‘tutti fruti e hortelã’ category.

Salvador virando São Paulo? Só por causa do engarrafamento? Não. Temos mar. Temos acarajé e temos identidade própria. Impossivel.

***

Claro que para quem vive no mundinho espremido entre Pituba e Ondina todas as cidades são parecidas.

***

Cena de um shopping. Entra uma moça numa loja. “Quero um jeans”. Vendedora traz. “Só tem cintura alta? quero algo periguete”. Vendedora: “cintura baixa saiu de moda”.

***

Cairam de moda cintura baixa, cabelo chapinhado, luzes. Mas a mulherada da cidade continua usando. Até quando?

***

Temporada de caruru esse ano está fraca. Depois da primeira rodada (de São Cosme) começa a de Santa Barbara que se estende até as vésperas de Santa Luzia.

***

Nesse ponto o baiano precisa abrir os olhos e preservar suas tradições com unhas e dentes. Senão daqui a pouco tudo isso será mera lembrança.

***

Continuam deixando carros e caminhões estacionarem em cima das calçadas. Reclamar na Set (ou Transalvador) é o mesmo que nada.

Para quem gosta da legítima dança baiana: confira o blog Clube de Dança Suingue Raça. O grupo, aliás, estará presente no evento Outubro Cor de Rosa.

***

Esse evento acontece as 18h de sábado, 24, no Farol da Barra, com presença de vários artistas. O Farol vai ser iluminado de rosa lembrando a importancia da prevenção do Cancer de Mama.

***

Halloween: uma piadinha boba do meu twitter – se sua vizinha esquisita lhe pedir travessuras ou gostosuras, nâo estranhe, ela está apenas comemorando o dia dela.

***

Trânsitos, as imediações da casa da tia do prefeito receberam sinalização horizontal. Tudo bem, mas o povo continua com educação zero, sem respeitar os pedestres.

***

Os reis do punk no trânsito são os motoristas de ônibus que trancam carros pequenos, trancam entradas de garagem, cobrem faixa de pedestre, enfim usam o “poder” do carro grande para ameaçar as pessoas de morte.

***

Ai cabe a pergunta: uma pessoa que faz do carro uma arma de intimidação e ameaça seria ou não seria capaz de matar? Bom, com certeza essa pessoa precisa de tratamento psiquiátrico com urgencia.

***

Inacreditável, mas quem precisar comprar um vestido de noite em Salvador tem que esperar até dezembro. Em setembro, outubro são raras as lojas que têm vestidos bonitos e de bom gosto a bom preço para vender.

***

Movimento de ida e vinda: nos últimos feriados, tanto embarque como desembarque do aeroporto Dois de Julho estiveram lotados. Sinal que passagens baratas permitem intercambio de turistas.

tuttifrutiehortela

Cena deprimente no auto-atendimento de um banco em um shopping da cidade: duas moças arrastam uma deficiente mental e passam na frente de todo mundo. Alguém reclama: “que coisa feia, usando a pobre coitada para furar a fila”. Uma das duas responde depois de uma torrente de desaforos: “temos direito. Nós tomamos conta dela”.

***

Falando em auto-atendimento bancário, antes da greve ser deflagrada, o caixa automático do Banco do Brasil do Bom Preço Pituba já estava quebrado. Essa semana, quem foi ao supermercado assistiu cenas feias de gente xingando e até esmurrando a máquina que sofre com a falta de manutenção.

***

Pelourinho de Nazaré. Assim ficou batizado o Largo da Palma atrás do Quartel da Mouraria por conta do casario antigo. Esse “novo” Pelourinho vem sendo palco de eventos populares como o sugestivo “Pagode da Mulher solteira” anunciado em um cartaz afixado em um muro da Avenida Vasco da Gama.

***

E o trânsito? Cada vez mais caótico. Gastam-se 90 minutos para fazer o trajeto Barra- Pituba em hora de rush e indo pela praia. Andar pela Bonocô, mesmo fora da hora do rush está complicado. Tancredo Neves, Paralela, idem. E olhe que os prédios do entorno do Salvador Shopping ainda nem foram construídos.

***

Receitas “genéricas” circulando na Internet ameaçam a culinária baiana com graves pecados como fazer efó com espinafre em vez de taioba ou língua de vaca, bater o quiabo do caruru no processador, em vez de cortar um a um miudinho, e ainda fritar acarajé em óleo normal em vez de dendê. Um atentado…

***

O twitter, que tinha tudo para ser o grande lance da Internet, está cada vez mais chato. Artistas famosos ou não estão transformando o miniblog em programa de auditório fazendo “sorteios” de “cartas” e concursos para ver quem tem mais seguidores. Muita gente acabou se afastando de lá.

***

Ainda na Internet, dos sites de comunidades e relacionamentos quem vem ganhando um público enorme é o Facebook. O sucesso se deve não só aos mecanismos – junta o melhor do orkut com o melhor do twitter – mas também aos inúmeros joguinhos interativos como Farmville e Age of Castles.

***

A cantora Priscila Freire, troféu da Rede Band de cantora revelação do carnaval 2009, faz show no sábado a partir das 22h, no Trindade, rua Piauí, Pituba. Priscila deixou a Banda Kondendê e está iniciando carreira solo mostrando neste show um pouco de sua nova fase profissional.

***

Pau na Transalvador: a faixa de pedestres da Av. Paulo VI, justamente em frente à casa de parentes do prefeito João Henrique, esquina com Território do Guaporé, está praticamente apagada. Ninguém mais respeita sinal e atravessar a rua, se já era difícil, agora ficou impossível.

***

O pior é que a Transalvador, quando passa pelo local, se diz “ocupada com outros assuntos” e muito pouco disposta a ouvir as queixas da população. Acaba alegando que “tem pedestre que atravessa fora da faixa”, ameaça “prender” o queixoso por “desacato” e fica tudo por isso mesmo.

tuttifrutiehortela

Caixas de lanchonete agora escolhem clientes. Foi isso que aconteceu no Aeroporto onde uma caixa do Bob’s recusou-se a atender uma cliente para não atrapalhar sua (lá dela) paquera. Abusivo e absurdo.

***

Falando em comércio, e o gerente do Bom Preço da rua Pernambuco, Pituba? Além de destratar clientes, destrata também os trabalhadores. Meninas que trabalham fazendo demonstração de produto se queixam.

***

Uma delas falou sobre o gerente: “ah, eu adoro ele, principalmente bem longe de mim”. Uma funcionária disparou: “se ele trata mal os clientes, imagine nós”. Que a rede Wall-Mart tome providencias urgentes.

***

De novo reclamação: mas andar em Salvador está horrível. Principalmente andar a pé. Pior que a Transalvador fica bisbilhotando no twitter em vez de fiscalizar a cidade. Só ver como estão as ruas: carga e descarga fora de hora, pega durante a madrugada, carros em cima do passeio.

***

E as peruas que passam falando no celular (grandes coisas porque hoje qualquer pessoa tem celular) enquanto invadem sinal ou sobem no passeio em alta velocidade para estacionar em frente da loja de aluguel de roupas? E isso é só na Pituba, imagine o resto.

***

Certa cliente comeu agulhão negro em certo restaurante badalado da cidade e passou mal durante a madrugada. Ou seja, para vender o peixe da moda (sim, tem moda de peixe) os restaurantes não estão tomando cuidado no preparo. Cadê a Vigilância Sanitária?

***

Um arerê em torno da doença que mata ricos e turistas, a gripe suína, e total esquecimento quanto a doenças que matam pobres: meningite, dengue, AIDS, sarampo, calazar e mais de não sei quantas pragas estão esquecidas da mídia.

***

E a briga entre a Record e a Globo pulou da audiência e do elenco para as baixarias e falcatruas financeiras. A guerra está declarada. Enquanto isso, o povo assiste a Bandeirantes onde o CQC, aliás, está bem divertido.

***

A maior semelhança entre as duas redes não é a grade de programação, o formato dos realities, novelas ou a troca de farpas no noticiário, mas a falta de competência de alguns atores de suas novelas.

***

Assim como Grazi Massafera matou Negócio da China, a maquiagem não esconde a falta de competência de Gisele Itié em Bella, a feia, novela que mal começou e não está empolgando…

***

Mulheres que não estão nem ai para moda usando e abusando nas estampas de bicho. Principalmente estampas de cobra. Elas alegam que por causa de Caminho das Índias, a “naja” entrou em moda. Haja imaginação.

***

Falando em moda, encolheram de novo o tamanho das roupas vendidas em Salvador. Os estilistas ficam preso em padrões cirurgia-plástica-bariatrica-botocada e estilo miss-malhação e esquecem que a baiana é cadeiruda. Resultado: tamanho P? Nem nas mais esquálidas…

***

E a Revista do Yatch – inegavelmente bem produzida apesar de ainda estar com excesso de futilidade – virou a Caras baiana. Para muitos, imperdível de ser lida. Bem que a Bahia merecia uma publicação classe A. Só falta melhorar o conteúdo mais um bocadinho.

***

Ser Classe A não significa ser perua ou ser fútil assim como ser Classe Z não significa ser brega ou mendigo. Bom gosto é uma coisa, futilidade é outra. Assim, mesmo uma revista de clube pode ter algo mais. Só pensar um bocadinho.

tuttifrutiehortela

Impossível passar pela esquina das ruas Pernambuco e Ceará, na Pituba, de carro ou simplesmente a pé, sem ser abordado por meninos de rua. Constrangedor para ambas as partes. Especialmente para senhoras de idade que querem apenas se exercitar.

***

O pior é que muitas dessas crianças batem carteiras e roubam correntes e relógios na maior sem cerimônia. A pessoa que anda a pé tem que se sujeitar a ser humilhado em lojas e supermercados porque precisa andar desarrumado e sem nenhum pertence nas mãos.

***

Indo ao Salvador Shopping, melhor passar ao largo do Feito a Grão, balcão de lanches do piso L2. O cliente corre o risco de ser trocado pela primeira perua superproduzida que aparecer e sair sem lanchar. Pior: essa loja ainda cobra 10 por cento de serviço.

***

Cadê a Prefeitura e órgãos responsáveis? Há famílias inteiras morando nas ruas da Pituba. Será que não há um meio de dar a essas pessoas uma condição de vida mais digna e menos constrangedora?

***

Uma noticia boa para quem já está cansada de ser comparada a vilã de novela só por ter o cabelo longo, cheio e cacheado: a chapinha caiu de moda mesmo. Aliás, até as artistas de novela não estão mais espichando as madeixas.

***

Em compensação, é só ver nas revistas a bizarrice que a Chanel empurrou goela dos críticos adentro na Semana de Moda de Paris: uma maquiagem com excesso de preto em volta dos olhos em manequins pálidas, esquálidas e anorréxicas.

***

A cabelereira Nildes, depois de anos de serviço em outros estabelecimentos, está seguindo carreira solo e atendendo a clientela no seu novo Salão, no Design Center, Avenida Paulo VI, Pituba, com monte de novidades.

***

É bom evitar fazer compras no Superpão para evitar surpresas desagradáveis. Há poucos dias, uma consumidora foi comprar pão – em plena hora do pique – e foi surpreendida com uma ratazana passeando pelas prateleiras. Logo numa padaria chique? É a treva…

***

Inverno mais do que azul, superquente, com gente indo a praia (mesmo que as ondas andem mais revoltas). Sinais, sim, do aquecimento global. O assunto preocupa, mas as pessoas preferem fingir que não vêm nada.

***

O Bom Preço teve uma boa idéia, a de dar pequenos descontos para quem usa sacola retornável. Só que a maioria dos consumidores não está “nem ai” para a proposta. Talvez porque as sacolas sejam toscas, quase bizarras.

***

Quem sabe e mudando o modelito, usando umas cores mais transadinhas, e não aquela cor indefinida que mais lembra pano de chão sujo, as donas de casa se animem e saiam por ai ecologicamente corretas, porém na ultima moda.

***

Atenção, Transalvador, só lembrando nossa velha “encrenca”, Pedestre não paga multa mas vota. Está um horror andar a pé pela cidade. Principalmente quando peruas dirigindo falando no celular sobem nos passeios a toda velocidade para estacionar mais perto das boutiques.

***

A única atenuante para as madames é a de que elas realmente precisam saltar perto do destino (loja, salão, supermercado) não para não precisar carregar sacolas, mas principalmente para evitar o assédio de outras ameaças urbanas…

Na maior “cara dura” um consumidor distribuía folhetos do Extra em pleno Bom Preço. Até que um fiscal resolveu confiscar todas as peças promocionais.

***

O consumidor explicou que é por causa da publicidade: as lojas ficam anunciando que cobrem o preço dos concorrentes. Pelo visto, desde que não levem o folheto.

***

Novidade nas lojas de disco: finalmente foi lançado o CD Pode Entrar de Ivete Sangalo com “Dalila”, participações especiais e uma capa até interessante.

***

Modelitos do Show “Elas cantam Roberto”: Sandy estava cafona e completamente over. Wanderleia e Daniela Mercury estavam bizarras de minissaia. Alcione também estava cafona.

***

Tititi no casamento de Deborah Secco num castelo em Itaipava: a imprensa ficou de fora. Um jornalista tentou pular o muro, foi preso.

***

É incrível que Deborah Secco, que nem é tão boa atriz como dizem, faça tudo para aparecer, inclusive casar “as escondidas”.

***

Mal inaugurou, e o Shopping Paralela ensaia virar “point”. Mesmo com muitas lojas por inaugurar, tem sido uma boa opção nesses dias de chuva.

***

Novidades a vista: calça de cintura baixa e escova progressiva estão se tornando peças de mau-gosto e caíram de moda mesmo.

***

Em pleno século XXI, com várias campanhas ecológicas em andamento, e tem gente que ainda pesca com bomba nas águas da Baía de Todos os Santos.

***

Os pescadores, inclusive, desafiam as autoridades pois ali mesmo nas margens da baía, estão a Capitania dos Portos e o CRA.

***

Nessa atividade ilegal, são utilizados explosivos pesados inclusive dinamite e alem de matar os peixes, todo ecossistema da baía fica comprometido.

***

Além disso, as explosões afetam residências e prédios ao longo da costa da baia. Até o Abrigo Dom Pedro II, na Cidade Baixa, já sofreu danos por conta das bombas de pesca.

tuttifrutiehortela

Sugestão de moradores e trabalhadores da Avenida Paulo VI para a prefeitura: colocar um radar ou sensor na saída da rua Rubem Berta, esquina do supermercado Bônus. Com certeza isso resolverá o problema de invasão de sinal.

***

Outro problema grave não só lá como em várias ruas é o estacionamento de carros em cima da calçada de pedestres. Pior são as peruas que chegam em velocidade e querem que os pedestres desçam para o asfalto.

***

A SET nunca pode fazer nada, mas fica um lembrete as autoridades: pedestres podem até não pagar multa. Mas eles votam e cada vez que um pedestre arrisca a vida nas sinaleira, com certeza prometem dar o troco nas urnas.

***

Nem entrou junho e a cidade já se prepara para as festas juninas. Em um evento social, essa semana, o serviço responsável pelo buffet colocou nas mesas, “sem querer, querendo”, um folheto com seu cardápio junino.

***

E Susan Boyle, heim? Apesar de todo o talento da cantora-mocoronga, a mídia já começa a queimar o filme dizendo que ela está “arredia” e “fugindo dos fotógrafos” e anunciando outros pretensos favoritos a grande final do concurso de calouros inglês.

***

Com certeza, não é o comportamento arredio da moça que está provocando a queimação mas sua aparência, Xuxa – que nem tem voz e já ta véinha pra ser rainha dos baixinhos – entra nos eventos pela porta dos fundos e ninguém diz nada.

***

Saem da moda: calça de cintura baixa e cabelo com chapinha. Usar bolsa de griffe está pegando mal, deve ter sido comprada na 25 de março, lá em São Paulo. Sinal de que tudo passa e não há mal que sempre dure, por mais que demore.

***

Nas lojas de Paris e outras capitais européias quase não se encontra mais jeans com cintura baixa. Um aviso nas vitrines: “cintura alta”. As peruas brasileiras vão ter que rever seus comportamentos. Até porque os telefones celulares estão menores e mais discretos.

***

Falando nas madames com excesso de enfeites, essa semana, no Shopping Barra, uma moça desfilava com botas de canos longuíssimos. Alguém lhe perguntou: “você pratica hipismo”? Ela mal sabia do que esse esporte se tratava.

***

Ainda shopping center: mal abriu e nem inaugurou boa parte das lojas e o Shopping Paralela virou point. Fim de semana chuvoso e todo mundo correu para lá. Mesmo sem cinema e sem alguns equipamentos de lazer estarem funcionando.

Vagas de estacionamento insuficientes no Bom Preço da rua Pernambuco, Pituba, vem provocando “barracos” entre consumidores. Outro dia, duas senhoras trocaram tapas por lá.

***

Como os estacionamentos em supermercado, shoppings e outros estabelecimentos são grátis, desconfia-se que a pessoa deixa seus carros lá e vão a outros lugares. Por isso nunca tem vaga.

***

É só conferir os estacionamentos do Shopping Salvador e do Shopping Iguatemi (ambos cercados de prédios comerciais). Desde de manhã cedinho estão lotados. Porque seria?

***

Enquanto isso, os estacionamentos considerados VIPs, cercados, com manobristas e caros, ficam sempre vazios. É só ver nos shoppings Iguatemi e Barra. Porque seria?

***

Falando em rua, estacionamentos, etc, a rua Altino Serbeto de Barros, no Itaigara, simplesmente não está comportando o número de veículos que vão para o Memorial, o Linus Pauling e outros prédios.

***

Pessoas tem perdido a consulta simplesmente porque não conseguem chegar de carro até lá (o engarrafamento, na verdade, começa desde o Parque da Cidade) e o serviço de vans oferecido pelo Memorial é insuficiente.

***

E atravessar a rua é simplesmente impossível em vários pontos da cidade. A SET vê, sabe disso, mas como pedestres só rende queixa, eles vão deixando tudo para lá.

***

Mais de trânsito: têm sido frequentes os acidentes e atropelos envolvendo motoqueiros e motoristas na Avenida Paulo VI. Restaurantes, delivery e os Correios fazem com que seja grande o numero de motoqueiros na área. Mas o desrespeito por eles é maior.

***

Ultima de trânsito: mais um recado para a SET sobre estacionamentos irregulares. Perua pode ter privilégio, mas parar em cima do passeio ainda é proibido. Multa nelas.

***

Mudando de assunto: boletos bancários de diversas contas a pagar continuam chegando atrasados aos consumidores. Queixa? Não adianta. Alega-se que o boleto pode ser impresso na net. Se você não tem impressora, exploda-se.

***

Planos de saúde: continua a palhaçada de reservar cotas nas consultas. A pessoa liga, a atendente pergunta: “convenio? Só tem pro dia tal”. Quando o cliente ameaça dar queixa, a atendente promete arrumar uma vaga “se houver desistência.”.

***

O pior é que sempre tem desistência e o cara é atendido no dia seguinte ou poucos dias depois quando alguém “milagrosamente”. Dica: não reclame. O plano sempre fica do lado do prestador de serviço. Azar o seu.

***

Mais uma: quando se vai ao médico particular, pagando consulta, o cara trata bem, demora um ano examinando. Quando é convenio eles acham que é de graça, se limitam a ler laudos de exames a prescrever remédios e nem sua pressão eles tomam.

Lula dizia que a crise economica mundial não iria atingir o Brasil. O que se vê agora é justamente o contrário. Até quem está empregado e ganhando bem sofre para pagar as contas do mês. Com a palavra, o presidente…

Supermercado caótico, lotado de gente, filas enormes e uma madame resolve fazer malandragem: coloca a cesta vazia na fila, vai buscando as compras aos poucos enquanto o povo pena com carrinhos lotados. Não colou e ainda tomou vaia.

E Dalila, heim? Nunca foi deusa, mas por causa de uma asneira dita por Ivete Sangalo até a versão da Bíblia anda sendo contestada por adolescentes e jovens desinformados e dizendo amém a tudo o que vem da mídia. Lamentável.

Carlinhos Brown deu uma entrevista a TV e confessou que o nome da música seria outro. Ai, de ultima hora, resolveu mudar para Dalila e pegou. A deusa ou alguém que faça a cabeça ficou por conta da imaginação de Ivete Sangalo.

A moda Índia já começa a pegar no rastro da novela de Glória Peres. O que tem de gente dizendo “hare baba” e “tcha tcha tcha tcha” por ai não está no gibi. Só falta agora abrir escola para ensinar a dançar a bangra.

Mudando de assunto totalmente, a Set andou fiscalizando estacionamentos proibidos nas imediações da FIB, no Stiep. Rebocou diversos carros sem avisar aos donos. Resultado: quando saíram das aulas, os estudantes pensaram que tinham roubado seus carros.

Enquanto isso, a SET continua desrespeitando totalmente a vida dos pedestres da cidade. Empregadas domésticas, serventes, vendedores de loja e outros trabalhadores todos os dias arriscam suas vidas ao atravessar ruas como a Avenida Paulo VI, na Pituba.

O papo sobre o padrão de medidas para roupas michou e as confecções voltaram a fazer apenas roupas P e M. Enquanto isso, peruas e patricinhas se recusam a comprar nas poucas lojas que olham para os seres humanos e investem na auto-estima de quem nunca fez plástica mesmo já passando dos 25.

E o paredão do BBB9 desta semana? A Globo se enrolou, Pedro Bial se contradisse, as pesquisas dos sites erraram, mas uma coisa está clara: alguém anda protegendo Ana Carolina e Naiá e não é nenhum anjo de asinha e auréola.

Max, líder pela segunda vez, já sacou o lance da relação vovó e netinha que vem sendo explorada pela Globo nessa edição do BBB. Mas, se houver lisura, quem leva essa edição do programa é a morena Priscila. Pelo menos, é a que mais merece.

Liquida Salvador fraquinha esse ano. Muitas lojas ficaram de fora. Quem queria concorrer ao carro ou assistir ao show de Fabio Junior de graça perde as esperanças. Até porque há lojas que não estão dando os cupons aos consumidores mesmo participando da promoção.

“Quem quer ser um milionário” venceu o Oscar e deixou alguns baianos, que não sabem direito como se dá a escolha do melhor filme do ano pela Academia Americana de Cinema, ficaram indignados. Mas, quem viu, garante que o filme é ótimo e mereceu ganhar.

Enquanto isso, no camelódromo mais próximo, todos os hits da temporada: O Leitor, A Troca, Noivas em Guerra, e vários outros filmes, estão sendo vendidos em cópia pirata por apenas R$5,00. Isso acontece até na porta de algumas agencias bancarias. Pirataria é crime, mas ninguém diz nada.

mais acessados

  • Nenhum

Fotki

Twitter

    follow me on Twitter

    Páginas

    fevereiro 2020
    S T Q Q S S D
    « mar    
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    242526272829