“Isso existe ou é de plástico?” não é raro ouvir coisas desse tipo quando alguém se depara com o peixe lua no oceanário de Lisboa. O maior peixe ósseo do mundo, chegando a medir mais de 3 metros e pesar mais de 2mil kg, pertencente a ordem tetraodontiformes é mesmo esquisito. Tem o formato arredondado, não tem barbatana caudal e e a locomoção é feita pelo movimento conjugado das barbatanas dorsal e anal.
Ele habita regiões quentes dos oceanos Atlântico e Pacífico e mesmo que sua ocorrência seja rara, pelo menos três exemplares foram capturados recentemente. Dois deles no Brasil, em 2007, sendo um em Pernambuco e outro em Santa Catarina. É também chamado Mola-Mola, e não é comestível porque sua carne contem neurotoxinas em grande quantidade. As vezes é visto boiando na superfície do oceano. Embora seja enorme, não é considerado dos mais agressivos.
Fonte – Wikipedia

Anúncios