Injusto, muito injusto colocar mais duas pessoas no jogo depois que tantas foram eliminadas. Mas foi exatamente isso o que aconteceu. Um “cowboy” chamado André e uma Patricinha Produzida, Maira, passaram uns dias numa gaiola de vidro no jardim antes de entrar na casa mais vigiada do Brasil. A decisão seria do “público” mas poucas pessoas conseguiram votar “NÃO”. Os mecanismos induziam ao sim… Esquisito…

***

Pior é que o tal André é um chato e a Maira, preconceituosa. Virou-se para Priscila logo no primeiro dia e disse: voce parece mais gorda no video. Antipática, a moça…

***

Nota-se que o BBB não empolga mais. Surgiram, nesse meio tempo entre o primeiro programa e agora, outros reality shows mais interessantes. Ver 18 pessoas confinadas sem fazer nada de util cansou. As tais provas do líder, na verdade, não provam nada e o líder nem tem nada o que fazer, a não ser ler as regras da prova do anjo ou  da comida e indicar o paredão.

***

É pouco, Boninho. Que tal colocar os candidatos aos 15 minutos de Fama a dar bons exemplos, a buscar soluções para economizar os recursos naturais do planeta, a contar historias edificantes ou mesmo a realizar trabalhos uteis para a comunidade. Isso vai mostrar muito mais quem merece um milhão de reais em sua conta bancaria. Traminhas de voto e panelinhas não dão mais Ibope…